• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

1º de Maio Pernambuco: atividades de solidariedade, por um novo mundo possível

Na programação desta sexta-feira, a CUT Pernambuco preparou um dia de atividades online, que podem ser acompanhadas nas redes sociais da central, tanto no Facebook, como no Instagram.

Publicado: 30 Abril, 2020 - 15h19 | Última modificação: 30 Abril, 2020 - 16h00

Escrito por: Assessoria de Comunicação/ CUT-PE

Divulgação
notice
 
O Dia do Trabalhador será marcado por programações online e atividades de solidariedades entre os trabalhadores
 
Em um formato novo, mas o possível, dentro do cenário de uma pandemia, o  Dia Internacional do Trabalhador no Brasil - que é celebrado no dia 1º de Maio - terá uma programação política e festiva dentro do universo virtual e algumas atividades de solidariedade aos trabalhadores e trabalhadoras que estão na comissão de frente do combate ao novo coronavírus. 
 
O que continua, como todos os outros anos, é a unidade entre as centrais sindicais, as Frentes de luta e a defesa dos direitos da classe trabalhadora. Segundo Paulo Rocha, presidente da CUT-PE, 2020 é um ano desafiador, não somente para esta data. "O 1º de Maio este ano será extremamente diferente, tanto por causa da pandemia, que afeta nossas vidas, como também porque nos impossibilita de ocuparmos as ruas. Mas, é diferente também pois estamos vivendo um enorme ataque ao conjunto da classe trabalhadora. Temos um governo esdrúxulo que só faz diminuir os nossos direitos, sob o argumento de proporcionar mais empregos. O que não é verdade", declara.
 
Ainda sobre o governo de Bolsonaro (sem partido), o presidente da central, chama atenção "O governo federal não tem compromisso social nenhum. O que temos visto é um governante que tem um compromisso com a violência e com a defesa incansável da família dele. Vivemos uma pandemia em um contexto do maior corte de verbas para a saúde pública e ele pergunta "E daí? O que eu posso fazer?". Além disso, querem colocar o preço da crise econômica nas costas dos trabalhadores e trabalhadoras, nos colocando a carteira verde e amarela como uma possibilidade de abertura para novas vagas de emprego, mas que não acontece e só nos coloca ainda mais em situações de retrocessos em nossos direitos. Não podemos aceitar!", argumenta.
 
Na programação desta sexta-feira, a CUT Pernambuco preparou um dia de atividades online, que podem ser acompanhadas nas redes sociais da central, tanto no Facebook, como no Instagram. "É um dia para nos juntarmos nessas programações online para unirmos forças e sermos solidários. Quem puder, seja solidário com quem mais precisa neste momento. Vamos deixar claro, de dentro de nossas casas, que não aceitamos nada menos do que nossos direitos ativos e preservados", conclui Paulo Rocha.
 
Programação Completa - Mobilizações online
 
9h - Live "Saúde, emprego e renda. Um novo mundo é possível" com o Presidente da CUT-PE, Paulo Rocha, a Vice- Presidenta, Uedislaine de Santana, a Secretária de Saúde do Trabalhador/ CUT Nacional, Madalena Silva, o Secretaria de Combate ao Racismo, Gilson de Góz e  Jaqueline Dornelas, da Direção da CUT Estadual.
 
11h - Acompanhe as atividades de solidariedade que vão acontecer em nosso estado em nossas redes sociais! Serão atividades do litoral ao sertão, mostrando a solidariedade entre os trabalhadores e trabalhadoras, sejam da cidade ou do campo. 
 
11h30 - Os trabalhadores (as) de qualquer parte do País poderão assistir à live nacional organizada de forma unitária pelas Centrais Sindicais - CUT, Força, UGT, CSB, CTB, CGTB, NCST, Intersindical, A Publica -, com o apoio das Frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo.   Artistas de diferentes estilos se apresentarão durante a live do 1º de Maio Solidário. Entre eles Chico César, Zélia Duncan, Otto, Preta Ferreira, Dexter, Delacruz, Odair José, Leci Brandão, Aíla, Preta Rara, Mistura Popular, Taciana Barros, Francis Hime e Olivia Hime, entre outros. Link do evento: https://www.facebook.com/events/3020319574748780/
 
16h - Live "Dia do/a Trabalhador/a", realizada pela Fetape, terá como tema: O papel da agricultura familiar e camponesa no enfrentamento da crise provocada pela pandemia do coronavírus, como participação da presidenta da Fetape, Cícera Nunes, o coordenador da ASA-PE, Alexandre Pires, o coordenador do MST, Jaime Amorim, o deputado estadual Doriel Barros, o deputado federal Carlos Veras, e um convidado especial, o ex-presidente Lula. A live será transmitida pelos canais da Fetape no Facebook (https://www.facebook.com/Fetape.oficial/ ) e no Youtube (http://bit.ly/2sfT2yz) das 16h às 17h30.