• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

Contra destruição do Brasil, o povo vai ocupar às ruas sexta-feira (20)

CUT, centrais e movimentos sociais farão atos e paralisações em defesa dos direitos sociais e trabalhistas, da soberania nacional, e também do meio ambiente

Publicado: 11 Setembro, 2019 - 14h52 | Última modificação: 17 Setembro, 2019 - 11h15

Escrito por: Redação CUT

ALEX CAPUANO/CUT
notice

As mobilizações do Dia Nacional de Paralisações e Manifestações em Defesa do Meio Ambiente, Direitos, Educação, Empregos e Contra a Reforma da Previdência, sexta-feira, 20 de setembro, serão realizados no local de trabalho, na parte da manhã, e na parte da tarde serão ser realizados atos em todas as cidades brasileiras.

A CUT Pernambuco convoca os trabalhadores e as trabalhadoras para realizar um ato em defesa dos aposentados, contra a Reforma da Previdência;  contra as privatizações, em defesa do patrimônio nacional; em defesa da Amazônia e do Meio Ambiente; das liberdades democráticas e contra o despejo do Centro de Formação Paulo Freire (Normandia/Caruaru).

No Recife, a concentração será às 14h, na Praça do Derby/Recife. Vamos juntos contras os desmandos, retrocessos e ataques desse governo que usa a opressão e a tirania contra a classe trabalhadora

#Juntossomosmais fortes

#LulaLivre

Dia 20 tem luta

A escolha da data da próxima mobilização da classe trabalhadora foi estratégica. O objetivo é convergir com o dia de mobilização internacional Greve Global pelo Clima, em 20 de setembro, organizado pela Coalização pelo Clima, uma articulação composta por diversos coletivos que debatem e promovem ações de informações e combate às mudanças climáticas.

“Os que queimam e derrubam a Amazônia são os mesmos que querem acabar com nosso direito à Previdência Social, querem destruir os direitos trabalhistas e sociais e privatizar as empresas públicas, destruindo também a soberania do nosso povo e do nosso país”, afirmou o Secretário-Geral da CUT, Sergio Nobre, explicando porque no dia 20 todos estarão juntos para defender o clima, os direitos, as estatais e a soberania.

"Estão destruindo o Brasil, acabando com a floresta amazônica, desmontando o sistema da Previdência Social, estão acabando com nossos direitos, com as políticas sociais e ainda querem acabar com as empresas públicas, enquanto a pobreza e o desemprego só crescem. Se você está indignado com tudo que está acontecendo venha para luta, venha para rua no dia 20".
(Sérgio Nobre).