• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

Nota pública de solidariedade à greve dos professores de Olinda

É necessário tornar os discursos eleitorais em políticas públicas efetivas, voltadas para o fortalecimento da educação e dessa forma salvar o futuro das nossas gerações.

Publicado: 19 Junho, 2018 - 14h40

Escrito por: CUT PE

A Central Única dos Trabalhadores de Pernambuco (CUT PE) vem a público manifestar total apoio e solidariedade à luta dos Professores Municipais de Olinda, ao mesmo tempo repudiar a atitude desrespeitosa do Sr. Lupércio, atual gestor do município, que vem tratando a entidade de classe e a categoria dos profissionais em educação com truculência e descaso.

A construção de uma sociedade justa, igualitária, onde haja respeito às diferenças e que garanta oportunidade para todos só será possível quando a educação, de fato, for pautada como base de sustentação dessa sociedade. É necessário tornar os discursos eleitorais em políticas públicas efetivas, voltadas para o fortalecimento da educação e dessa forma salvar o futuro das nossas gerações.

Infelizmente a situação da educação no país está muito longe do que deveria ser. No município de Olinda a situação não é diferente, o caos se reproduz. O prefeito da cidade, que por sinal vem da base da educação, nega completamente sua origem, ao tratar os professores com descaso e total desrespeito. Dos 6,81% que deveriam ser corridos como reposição salarial, a partir de janeiro, o prefeito quer repassar apenas 4% só a partir de setembro, sem retroativos. Como não bastasse esse absurdo a gestão não tem a menor transparecia com a sociedade e com a categoria, ao não explicar onde estão os recursos do FUNDEB, verba do governo federal destinados à educação básica.

A CUT parabeniza o SINPMOL e a decisão dos professores em não aceitar essa proposta e continuar resistente no movimento grevista que entrar no 11º dia. Diante dessa batalha travada pelos professores, aproveitamos para pedir que os alunos, país de alunos e toda sociedade Olindense apõem de forma efetiva esse movimento grevista. Essa luta é para conquistar a valorização dos professores, denunciar as péssimas condições de ensino e garantir uma educação de qualidade para todos os alunos da rede municipal da cidade de Olinda. Porque a educação é o maior patrimônio que podemos deixar para as próximas gerações.    

carregando