• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

PE: Centrais mobilizam bases para o Dia Nacional do Basta!

Nesta terça-feira, 31 de julho, às 6h, vai ter panfletagem no metrô, nas estações Central e Joana Bezerra. 

Publicado: 30 Julho, 2018 - 11h06

Escrito por: Ascom Sindsep-PE com informações adicionais da CUT-PE

CUT
notice

A CUT e demais centrais sindicais em Pernambuco estão mobilizadas e já divulgaram um calendário de atividades para esta semana, visando chamar a população para o 10 de agosto, Dia Nacional do Basta! Nesta terça-feira, 31 de julho, às 6h, vai ter panfletagem no metrô, nas estações Central e Joana Bezerra. 

Na quarta, dia 1 de agosto, as centrais sindicais de Pernambuco se reúnem novamente na sede da CUT, em Santo Amaro, para discutir estratégias de mobilização e avaliar as ações feitas até o momento. No dia 2, às 16h, panfletagem na rua Sete de Setembro e na avenida Guararapes, no Centro do Recife. No dia 7, está marcada nova panfletagem, só que desta vez nos Institutos Federais de Educação (IFs), localizados no Recife e Região Metropolitana.

A ideia das centrais sindicais, em todo o país, é realizar atos públicos e paralisações até o dia 10 de agosto, quando deve acontecer, em Recife, uma grande mobilização a partir das 15h, na praça do Derby.

O Dia Nacional do Basta! tem como pauta central a luta contra todos os retrocessos e retiradas de direitos da classe trabalhadora promovido pelo governo golpista de Michel Temer.

Organizado pela CUT e demais centrais sindicaisem nível nacional, neste dia, os trabalhores e trabalhadoras realizarão paralisações, atrasos de turnos e atos nos locais de trabalho e nas praças públicas de grande circulação de todo o País para exigir um basta de desemprego, de aumento do preço do gás de cozinha e dos combustíveis, de retirada de direitos da classe trabalhadora, de privatizações e de perseguição ao ex-presidente Lula.

Para organizar a base CUTista para o "Dia do Basta", a direção da CUT encaminhou um documento com orientações e explicações da importância da data para a classe trabalhadora brasileira.

"As palavras de ordem para mobilizar os trabalhadores e trabalhadoras dialogam com os problemas concretos vividos pela classe trabalhadora no seu dia a dia. Escolhemos aquelas que potencialmente mais afetam os trabalhadores de todo o País", diz trecho do documento.

Os protestos do dia 10 de agosto, segundo orientação da direção, devem focar também na defesa da proposta da CUT para a saída da crise em que o país se encontra pós-golpe 2016, que é "a liberdade e direito de Lula concorrer às eleições como candidato à Presidência, com o compromisso de revogar as medidas nefastas do governo golpista e convocar Assembleia Constituinte para fazer as reformas necessárias ao fortalecimento da democracia, à retomada do crescimento, à geração de emprego de qualidade e à promoção de um novo ciclo de desenvolvimento sustentável."

Outras informações :www.cut.org.br, onde qualquer cidadão tem acesso ao material de divulgação das centrais sindicais. Participe, divulgue, compartilhe!

carregando
carregando